Senado pode votar emenda paralela no dia 15 de dezembro


Por Marcela Cornelli

A primeira votação em Plenário da proposta paralela deve ocorrer na próxima segunda-feira, informou ontem o relator da reforma da Previdência Social e líder do PT, senador Tião Viana (AC). Ele prevê que a votação em segundo e último turno será feita no dia 23. A emenda paralela contém as mudanças incluídas pelos senadores na reforma previdenciária e, depois de concluído o exame no Senado, seguirá para análise dos deputados.

Os senadores participaram ontem da primeira sessão de discussão da emenda paralela – haverá ainda outras quatro sessões. A maioria criticou a reforma do sistema previdenciário, mas admitiu votar a favor da proposta.

A proposta será discutida inclusive em sessão convocada para a manhã deste sábado. Os líderes partidários decidiram com o presidente do Senado, José Sarney, que serão realizadas sessões nos fins de semana até a véspera do Natal, para contagem de prazo de tramitação, o que tornará possível a votação, ainda este ano, de todas as reformas propostas pelo presidente Luiz Inácio Lula da Silva.

Fonte: Agência Senado