TV Brasil Internacional e TV Senado transmitem ao vivo sessão inaugural do Parlamento do Mercosul


No dia 14 de dezembro próximo, a TV Senado vai transmitir por satélite para todos os países da América do Sul, em parceria com a TV Brasil Internacional – Canal Integración, a sessão inaugural do Parlamento do Mercosul que será realizada no Brasil.
Criada em dezembro de 2004 por iniciativa conjunta dos Poderes Executivo, Legislativo e Judiciário, a TV Brasil – Canal Integración já transmite sua programação diariamente durante 24 horas via satélite para a América do Sul desde setembro do ano passado.
Dessa forma, o Brasil é o primeiro e, até agora, único país do continente com uma emissora de TV estatal com 24 horas de transmissão para toda a região. A emissora já tem acordos assinados com 150 instituições da América Latina para transmissão e produção em parceria de programas de televisão.
Com uma equipe de apenas 27 pessoas, a nova emissora transmite programas culturais e educativos produzidos em países da América do Sul. No Brasil, a programação é transmitida das 22h até 6h pela NBR, emissora da Radiobrás.
Os programas produzidos no Brasil, em português, são transmitidos com legendas em espanhol, enquanto os produzidos nos países de língua espanhola são transmitidos para o Brasil com legendas em português.
– O objetivo é familiarizar o público de língua espanhola com o português e o público brasileiro com o espanhol – disse Ana Maria Rocha, diretora da TV Internacional do Senado.
A TV Senado já transmite dois programas da TV Internacional, Mochila ao Ombro, produzido na Colômbia, e Sonhos e Vocações, produzido na Argentina.
Para discutir os novos desafios das TVs públicas na era da TV digital, o Comitê Gestor da TV Brasil reuniu-se em almoço, nesta quinta-feira (9), com os diretores-gerais do Senado, Agaciel da Silva Maia, da Câmara, Sérgio Sampaio, e do Supremo Tribunal Federal, Sérgio José Américo Pedreira; com a chefe da Coordenação de Divulgação do Itamaraty, ministra Eliana Zugaib; e com o diplomata Evandro de Barros Araújo.
O secretário de Comunicação Social do Senado, Armando Rollemberg, disse durante a reunião que a tecnologia da TV digital, especialmente a multiprogramação, permitirá a ampliação do alcance das TVs públicas.
Os diretores da Secretaria de Comunicação Social da Câmara, William França, e da TV Câmara, Sueli Navarro, também participaram da reunião, ao lado do secretário de Comunicação Social do Supremo Tribunal Federal, Delorgel Valdir Kaiser, e do coordenador de Televisão do tribunal, Celso Pedroso Fontão Júnior. A reunião foi coordenada pelo presidente do Comitê Gestor, Eugênio Bucci.

Fonte: Agência Senado (Geraldo Sobreira)