Servidores dos Ministérios da Agricultura e Fazenda começam greve por tempo indeterminado


Seguindo deliberação da plenária da Condsef [Confederação dos Trabalhadores do Serviço Público Federal], realizada no dia 11 de março, os servidores dos Ministérios da Agricultura e da Fazenda iniciaram hoje [15] greve por tempo indeterminado. O objetivo é pressionar o governo para cumprir acordos firmados em 2005 e garantir o repasse integral da verba prevista no Orçamento de 2006.
A Confederação espera novas adesões nesta semana para que a greve se fortaleça e garanta o reajuste salarial. A expectativa é de que até segunda-feira [20], setores como Funai, administrativos do Ministério da Educação e Planejamento, Funasa, Incra, Ibama, Agências Reguladoras, Ciência e Tecnologia, Ministério da Saúde, Delegacias Regionais do Trabalho [DRT´s] e servidores regidos pelo Plano de Classificação de Cargos [PCC] integrem a paralisação e consolidem o movimento.
No final dessa quarta-feira a Condsef divulgará informe sobre o 1º dia de greve por tempo indeterminado.

Fonte: Condsef