Servidores do TRE/PB fazem campanha contra nepotismo


Por Marcela Cornelli

Leia abaixo a íntegra da nota divulgada pelo Sindjuf/PB como parte da campanha dos servidores do Tribunal Regional Eleitoral contra o nepotismo.

“Os servidores do TRE-PB querem, já, o cumprimento das decisões do TCU e do Ministério Público Federal pelo seu Presidente, Des. Júlio Aurélio M. Coutinho, com o referendo dos Membros da Corte, no sentido de exonerar os parentes de Desembargadores do TJ-PB que atualmente ocupam indevidamente altos cargos administrativos dentro da estrutura daquela Corte de Justiça Eleitoral, escolhidos unicamente pelo critério do parentesco.

Os servidores aguardam ansiosamente o cumprimento de todas as normas administrativas e constitucionais, para que seja preservada a imagem -já tão combalida- do Poder Judiciário desse país e garantida a autonomia administrativa dentro da instituição.

É consenso entre os servidores do TRE-PB que a presidência deverá efetivar ainda, imediatamente, a devolução dos servidores requisitados, ainda remanescentes, aos seus órgãos de origem dentro do prazo estabelecido pela Procuradoria da República – tudo isso buscando, tão somente, o fiel cumprimento da Lei.

A despeito de toda pressão que porventura esteja recebendo o Presidente, os servidores do quadro permanente do TRE-PB manifestam solidariedade ao Des. Júlio Aurélio, que durante toda sua vida pública se absteve de adotar o critério do parentesco para nomear os seus assessores.

Ao mesmo tempo os servidores ratificam a importância de que tenha continuidade o atendimento às determinações do TCU e Ministério Público e se reconheça a oportunidade histórica de fazer cumprir a legalidade, a moralidade e a impessoalidade administrativa, princípios constitucionais da administração pública.

É de se admirar que, em pleno Século XXI, ainda se exerça, para sacrifício da democracia e da cidadania, o nepotismo e o clientelismo, hábitos arcaicos e costumes repudiados por toda a sociedade. Estamos do lado dos que fazem cumprir a Lei e respeitam o cidadão e a nação brasileira.
Justiça social, já! Justiça para a Justiça! Justiça para os trabalhadores da Justiça!

SINDJUF-PB
(Sindicato dos Trabalhadores do Poder Judiciário Federal da Paraíba)
ASSTRE-PB
(Associação dos Servidores do Tribunal Regional Eleitoral da Paraíba)”

Fonte: FENAJUFE