PSDB e PFL seriam principais beneficiários da lista do caixa dois de Furnas – veja lista


A “Lista de Furnas” – documento sobre um suposto esquema de caixa dois nas eleições de 2002, cuja autenticidade está sob investigação da Polícia Federal – é essencialmente uma lista tucana. Os candidatos do PSDB teriam ficado com mais de dois terços (68,3%) dos R$ 39,9 milhões que teriam sido distribuídos a 156 políticos por empresas fornecedoras da última grande estatal do ramo elétrico. O PFL fica com um segundo lugar bem distante, 9,3%.
Mas, segundo a “Lista”, o dinheiro do PSDB não teria sido distribuído por igual. O grosso foi para três candidatos, que disputavam os três cargos mais importantes do esquema eleitoral tucano em 2002: José Serra, que pleiteava a Presidência, Geraldo Alckmin, candidato a governador de São Paulo, e Aécio Neves, que concorreu ao governo de Minas. Os três, conforme a “Lista”, teriam ficado com mais da metade do dinheiro do esquema de Furnas.
Os demais 153 políticos que constam na “Lista” teriam dividido os 45,4% que restaram.

A filiação partidária dos 156

O PSDB também é o primeiro colocado em número de políticos entre os 156 citados no esquema que seria operado pelo então presidente de Furnas, Dimas Toledo, levado ao cargo pelo ex-presidente Fernando Henrique Cardoso. São 47 tucanos na lista, cinco deles candidatos a cargos majoritários. O PFL comparece com 33 candidatos, apenas um a cargo majoritário (senador).
Outro modo interessante de ler o documento em exame na PF é comparar os nomes que constam ali com a relação dos membros da CPI dos Correios, que desde junho do ano passado investiga as denúncias de corrupção no Parlamento. O primeiro destaque é para o deputado ACM Neto (PFL-BA), que tem se salientado pela estridência de seu desempenho na comissão. Ele teria recebido R$ 75 mil do esquema de Furnas. Quanto ao PSDB, constam da “Lista” três dos seus quatro deputados que são titulares ou suplentes da CPI. Figuram também entre os 156 um membro da CPI dos Correios pertencente ao PL e dois dos quadros do PTB.

Fonte: Diário Vermelho

Todos os 156 nomes e todos os R$ 40 milhões da “Lista de Furnas”

Por Bernardo Joffily (Diário Vermelho)

O portal Vermelho reproduz abaixo a lista completa dos 156 nomes que constam na chamada “Lista de Furnas”, agrupados por partido político, com indicação do cargo a que concorriam em 2002, do estado onde atuam e do dinheiro que supostamente teriam recebido de um esquema de caixa dois. Assim como reproduzimos em fac-simile a fotocópia que se encontra em mãos Polícia Federal, que apura se ela é autêntica ou não.
Não há o menor acordo no mundo político sobre a “Lista de Furnas”. O prefeito de São Paulo e postulante à candidatura presidencial do PSDB, José Serra, classificou de “instrumento vagabundo” e “uma verdadeira palhaçada” a lista, onde ele figura como tendo recebido R$ 7 milhões. Já o ex-deputado Roberto Jefferson, depois de depor na PF nesta quarta-feira (1/2), disse acreditar que “ela (a lista) é muito próxima da verdade”. E confirmou ter recebido R$ 75 mil do então presidente de Furnas, Dimas Toledo, tal como consta da relação.
Este portal não tem elementos para confirmar ou desmentir a autenticidade da “Lista de Furnas”. Mas considera que os cidadãos têm o direito de conhecer os nomes do documento que a PF investiga, pois, falso ou verdadeiro, o documento tornou-se uma peça relevante do atual momento político.
Também quando Jefferson fez sua célebre denúncia do “mensalão”, na edição do jornal Folha de S. Paulo de 6 de junho passado, reproduzimos imediatamente a íntegra da entrevista. Nela, o entrevistado afirmava explicitamente que não tinha provas do que estava dizendo. Mas o que consideramos foi a relevância inerente ao que fora afirmado: provado ou não, verdadeiro ou não, aquilo passava a influir sobre a cena política e portanto merecia ser conhecido pelos internautas que visitam este portal.
Na época, a chamada grande mídia adotou o mesmo critério. Hoje, porém, volta-lhe as costas e nega-se a reproduzir a “Lista de Furnas”, que até ontem só podia ser achada, depois de muita pesquisa, em obscuras páginas da internet.
A mídia grande terá lá suas razões. As do Vermelho são outras. Aqui está portanto a “Lista de Furnas”, para que o internauta-cidadão tenha os elementos para formar o seu próprio juízo.

Os 156 nomes

Eles estão na lista cuja autenticidade a Polícia Federal está investigando. A tabela agrupa-os por filiação partidária e indica seus nomes, estado, cargo que disputaram e quantia que supostamente teriam recebido do caixa dois de Furnas em 2002.

47 candidatos do PSDB teriam recebido R$ 27,3 milhões

José Serra Presidente da Rep. R$ 7.000.000
Geraldo Alckmin Governador SP R$ 9.300.000
Aécio Neves Governador MG R$ 5.500.000
Arthur da Távola Senador RJ R$ 350.000
Eduardo Azeredo Senador MG R$ 550.000
Luis Paulo Velloso Lucas Deputado ES R$350.000
Juthay Jr. Deputado BA R$ 270.000
Danilo de Castro Deputado MG R$ 250.000
Eduardo Paes Deputado RJ R$ 250.000
Ana Maria Vieira Deputado MG R$ 150.000
Herculano Anghinetti Deputado MG R$ 150.000
Osmânio Pereira Deputado MG R$ 150.000
Toninho Andrada Deputado MG R$ 150.000
Vanessa Lucas Deputado MG R$ 150.000
Antônio Júlio Deputado MG R$ 150.000
Paulo Feijó Deputado RJ R$ 150.000
Márcio Fortes Deputado RJ R$ 150.000
Antonio Carlos Pannunzio Deputado SP R$ 150.000
Aberto Goldman Deputado SP R$ 150.000
Nárcio Rodrigues Deputado MG R$ 100.000
Djalma Diniz Deputado MG R$ 100.000
Alexandre Santos Deputado RJ R$ 100.000
Alice Tamborindeguy Deputado RJ R$ 100.000
Walter Feldman Deputado SP R$ 100.000
João Almeida Deputado BA R$ 75.000
Luiz Humberto Carneiro Deputado MG R$ 75.000
Domingos Sávio Deputado MG R$ 75.000
Ermano Batista Deputado MG R$ 75.000
Elbe Brandão Deputado MG R$ 75.000
Custódio Mattos Deputado MG R$ 75.000
Affonso Camargo Deputado PR R$ 75.000
Serafim Venzon Deputado SC R$ 75.000
Zulaiê Cobra Deputado SP R$ 75.000
Xico Graziano Deputado SP R$ 75.000
Antonio Carlos Mendes Deputado SP R$ 75.000
Andréia Zito Deputado RJ R$ 70.000
Luiz Paulo Deputado RJ R$ 70.000
Fahim Sawan Deputado MG R$ 55.000
Ermano Batista Deputado MG R$ 55.000
Maria Olívia Deputado MG R$ 55.000
Affonso Camargo Deputado PR R$ 50.000
Aluízio Nunes Ferreira Deputado SP R$ 50.000
Carlos Sampaio Deputado SP R$ 50.000
Lobbe Neto Deputado SP R$ 50.000
Silvio Torres Deputado SP R$ 50.000
Walter Barelli Deputado SP R$ 50.000
Rafael Guerra Deputado MG R$ 40.000
Eduardo Barbosa Deputado MG R$ 35.000

Total do PSDB R$ 27.275.000

33 candidatos do PFL teriam recebido R$ 3,7 milhões

Zezé Perrella Senador MG R$ 350.000
Paulo Magalhães Deputado BA R$ 200.000
Rodrigo Maia Deputado RJ R$ 200.000
Inocêncio de Oliveira* Deputado PE R$ 185.000
ACM Neto Deputado BA R$ 150.000
Joaquim Francisco Deputado PE R$ 150.000
José Carlos Fonseca Deputado ES R$ 150.000
Arold de Oliveira Deputado RJ R$ 150.000
Luiz Carreira Deputado R$ 100.000
Jairo Carneiro Deputado R$ 100.000
Carlos Melles Deputado R$ 100.000
Roberto Brant Deputado R$ 100.000
Jaiminho Martins Deputado R$ 100.000
Sebastião Navarro Deputado R$ 100.000
Gilberto Kassab Deputado R$ 100.000
João Batista Deputado R$ 100.000
Robson Tuma Deputado R$ 100.000
Gerson Gabrielli Deputado R$ 75.000
José Carlos Aleluia Deputado R$ 75.000
Reminho Aloise Deputado R$ 75.000
Gustavo Valadares Deputado R$ 75.000
Aberlardo Lupion Deputado R$ 75.000
Eduardo Sciarra Deputado R$ 75.000
Gervásio Silva Deputado R$ 75.000
Paulo Bauer Deputado R$ 75.000
Robério Nunes Deputado R$ 75.000
Chico Sardelli Deputado R$ 75.000
José Rocha Deputado R$ 70.000
Luiz Carlos Santos Deputado R$ 70.000
João Baptista Deputado R$ 70.000
Sebastião Costa da Silva Deputado R$ 55.000
Aroldo Cedraz Deputado R$ 50.000
Coriolano Sales Deputado R$ 50.000

Total do PFL R$ 3.725.000

21 candidatos do PPB* teriam recebido R$ 2,4 milhões*

Dimas Fabiano Jr. Deputado MG R$ 250.000
Francisco Dornelles Deputado RJ R$ 200.000
Severino Cavalcante Deputado PE R$ 180.000
Márcio Reinaldo Deputado MG R$ 150.000
Márcio Reinaldo Dias Moreira Deputado MG R$ 150.000
Gil Pereira Deputado MG R$ 150.000
Ciro Nogueira Deputado PE R$ 150.000
Pedro Correa Deputado PE R$ 150.000
José Janene Deputado PE R$ 150.000
Vadão Gomes Deputado SP R$ 150.000
Odelmo Leão Deputado MG R$ 100.000
Pedro Henry Deputado MT R$ 100.000
Pinduca Ferreira Deputado MG R$ 75.000
Ricardo Barros Deputado PR R$ 75.000
Zonta Deputado SC R$ 75.000
João Pizzolatti Deputado SC R$ 55.000
Romeu Anízio Jorge Deputado MG R$ 50.000
Nilton Baiano Deputado ES R$ 50.000
Jair Bolsonaro Deputado RJ R$ 50.000
Simão Sessim Deputado RJ R$ 50.000
Júlio Lopes Deputado RJ R$ 50.000

Total do PPB** R$ 2.435.000

15 candidatos do PMDB teriam recebido R$ 2,3 milhões
Sérgio Cabral Senador RJ R$ 500.000
Hélio Costa Senador MG R$ 400.000
Mauro Lopes Deputado MG R$ 200.000
Saraiva Felipe Deputado MG R$ 150.000
Raul Jungmann Deputado PE R$ 150.000
José Borba Deputado PR R$ 150.000
Ronaldo Vasconcelos Deputado MG R$ 100.000
João Magalhães Deputado MG R$ 100.000
Washinton Reis Deputado RJ R$ 100.000
Leonardo Picciane Deputado RJ R$ 100.000
Nelson Bornier Deputado RJ R$ 100.000
Eduardo Cunha Deputado RJ R$ 100.000
Bispo Gilberto Deputado MG R$ 75.000
Almerinda de Carvalho Deputado RJ R$ 75.000
Leonardo Quintão Deputado MG R$ 55.000

Total do PMDB R$ 2.355.000

11 candidatos do PL teriam recebido R$ 1,4 milhão

Marcelo Crivella Senador RJ R$ 250.000
Valdemar Costa Neto Deputado SP R$ 250.000
Anderson Adauto Deputado MG R$ 200.000
Bispo Rodrigues Deputado RJ R$ 150.000
Remi Trinta Deputado MA R$ 100.000
Aracely de Paula Deputado MG R$ 100.000
José Santana Deputado MG R$ 100.000
Mário Assad Jr. Deputado MG R$ 100.000
João Leão Deputado BA R$ 75.000
Jairo Lessa Deputado MG R$ 75.000
Pastor Almir Deputado RJ R$ 50.000

Total do PL R$ 1.450.000

13 candidatos do PTB teriam recebido R$ 1,3 milhão

José Militão Deputado MG R$ 150.000
Agostinho Patrus Deputado MG R$ 150.000
Armando Monteiro Deputado PE R$ 150.000
José Múcio Deputado PE R$ 150.000
Luis Antônio Fleury Deputado SP R$ 100.000
Medeiros Deputado SP R$ 100.000
Nelson Marquezelly Deputado SP R$ 100.000
Arnaldo Faria de Sá Deputado SP R$ 100.000
Pastor George Deputado MG R$ 75.000
Alberto Bejani Deputado MG R$ 75.000
Fábio Avelar Deputado MG R$ 75.000
Roberto Jefferson Deputado RJ R$ 75.000
Dilzon Melo Deputado MG R$ 75.000

Total do PFL R$ 1.355.000

5 candidatos do PPS teriam recebido R$ 400 mil

Júlio Delgado Deputado MG R$ 100.000
Athos Deputado MG R$ 75.000
Paulo Piau Deputado MG R$ 75.000
Fernando Coruja Deputado SC R$ 75.000
Dimas Ramalho Deputado MG R$ 75.000

Total do PPS R$ 400.000

2 candidatos do PSB teriam recebido R$ 200 mil

João Leite Deputado MG R$ 150.000
Affonso Camargo Deputado PR R$ 50.000

Total do PSB R$ 200.000

1 candidato do PDT teria recebido R$ 150 mil

Alencar da Silveira Jr. Deputado MG R$ 150.000

Total do PDT R$ 150.000

1 candidato do PRTB teria recebido R$ 75 mil

Paulo César de Freitas Deputado MG R$ 75.000

Total do PRTB R$ 75.000

1 candidato do Prona teria recebido R$ 75 mil

Dr. Carlão Deputado RJ R$ 75.000

Total do Prona R$ 75.000

1 candidato do PSC teria recebido R$ 75 mil

Dr. Heleno Deputado RJ R$ 50.000

Total do PSC R$ 75.000

5 candidatos de sigla não apontada teriam recebido R$ 370 mil

Marcelino Siqueira Deputado MG R$ 100.000
Francisco Luiz Gomide Deputado PR R$ 100.000
Rogério Nunes Deputado BA R$ 75.000
Amílcar Martins Deputado MG R$ 55.000
Mário Rodrigues Deputado MG R$ 40.000

Total R$ 370.000

* Hoje no PL
** Até 2003 o atual PP usava a sigla PPB

Fonte: Diário Vermelho