Novo presidente da Câmara patrocinou expulsão de padre que defendia a reforma agrária


Por Imprensa

Segundo informa o Jornal do Brasil desta quarta-feira, dia 16, o novo presidente da Câmara dos Deputados, Severino Cavalcanti (PP-PE) foi o patrocinador da campanha pela expulsão do Brasil do padre italiano Vito Micarapilo. O religioso foi perseguido por se recusar a celebrar missa pelo dia da independência, em 1980 e por lutar pela reforma agrária. Representantes da Teologia da Libertação querem que o governo dê andamento ao processo que tramita no Supremo com o objetivo de anular a expulsão de Miracapillo -hoje trabalhando no Sul da Itália.

Fonte: CUT/RJ