“Grito dos Excluídos” reúne 180 mil pessoas em todo país


Nas principais capitais do país, mais de 180 mil pessoas ‘gritaram’ ontem, 7 de setembro, contra a exclusão social e a atual política econômica, concentração de renda e a corrupção. O lema deste ano foi ‘Brasil, em nossas mãos a mudança’. De acordo com dados da ONU divulgados ontem, a renda do brasileiro caiu, mesmo com a elevação do IDH de 0,790 para 0,792. Outro índice da ONU é o Programa das Nações Unidas para o Desenvolvimento (Pnud), que mostra 10% dos brasileiros mais ricos ficam com 46,9% da renda do país, enquanto os 5% mais pobres ficam com apenas 0,7%.

Agressão em Florianópolis

Em Florianópolis, mais uma vez a polícia do governador Luiz Henrique mostrou as caras, impedindo os participantes de se manifestar e partindo para a agressão. Mesmo assim, os trabalhadores deram o recado.