Governo e oposição podem chegar a um acordo para destrancar pauta


Representantes da delegação do Rio Grande do Sul e servidores de outros estados conversaram agora à tarde com o vice-líder do PSDB, deputado Júlio Redecker [RS], sobre as negociações entre as bancadas governista e de oposição em relação à votação do plenário da Câmara. Segundo informações da diretora da Fenajufe Jacqueline Albuquerque, o parlamentar informou aos servidores que se o governo concordar em retirar os projetos com urgência constitucional e votar a PEC nº 349/01, que acaba com as votações secretas nas deliberações do Congresso Nacional, a bancada da oposição se dispõe a fechar acordo para votar as 20 medidas provisórias que trancam a pauta. Sobre o PCS, o deputado disse aos servidores que tem acordo em votar o projeto, mas votará conforme decidir a bancada do PSDB.
Após a conversa com o vice-líder do PSBD, os servidores acompanharam a entrevista coletiva concedida à imprensa pelo líder do PT na Câmara, deputado Henrique Fontana [RS]. Na entrevista, Fontana confirmou que o governo está discutindo um acordo para retirar os projetos com urgência constitucional e votar a PEC que acaba com o voto secreto no Congresso Nacional.
Os representantes das delegações continuam no Salão Verde da Câmara aguardando o final da reunião das lideranças partidárias e tentando conversar com os deputados que passam pelo local.

Fonte: Fenajufe (Leonor Costa)