Veja como está a mobilização no Interior do Estado


Por Marcela Cornelli

Imbituba

Os servidores da Vara do Trabalho de Imbituba decidiram continuar na luta e participar da paralisação de 48 horas que iniciou ontem. Os servidores avaliaram que é necessário construir a paralisação por tempo indeterminado e apontam como indicativo para o início de greve o dia 1º de junho.

Criciúma

Em Criciúma os colegas da Justiça do Trabalho pararam as atividades ontem e hoje na 1ª Vara do Trabalho, com 100% de adesão, e na 2ª Vara do Trabalho, com 50% de adesão. Os companheiros da Distribuição realizam reunião hoje.

Joinville

Os servidores da 4ª Vara do Trabalho de Joinville aderiram à paralisação.

São Miguel D´ Oeste

Sete companheiros da Vara do Trabalho de São Miguel D´Oeste também pararam, aderiando à paralisação de 48 horas ontem e hoje.

Chapecó

Justiça do Trabalho pára hoje.

Curitibanos

Os companheiros da Vara do Trabalho de Curitibanos também aderiram à paralisação.

Balneário Camboriú

Na Vara do Trabalho de Balneário Camboriú seis companheiros estão parados, aderindo à paralisação.

Tubarão

Na Justiça do Trabalho de Tubarão, os servidores se reuniram ontem com colegas de Imbituba e mostraram disponibilidade de entrar na greve por tempo indeterminado. Eles vão aguardar a decisão da Assembléia Geral para realizar nova reunião.

Da Redação