Servidores do MPU paralisam hoje


Os servidores do Ministério Público da União também correm atrás da revisão do Plano de Cargos e Salários. Mas a situação da categoria em relação ao Plano é mais complicada ainda, já que o Procurador-Geral se recusa a negociar com os representantes do MPU uma proposta que contemple as reivindicações dos trabalhadores. Até o momento, o que se tem em mãos é uma proposta de parcelamento do Plano em cinco vezes, o que contraria as expectativas da categoria. Os servidores deixaram claro sua insatisfação com a proposta da PGR e que não aceitarão que a mesma seja encaminhada ao Congresso Nacional da forma como está. Em Florianópolis, os servidores do MPU fazem hoje um dia de paralisação como forma de se integrar à luta pela aprovação do PCS.