Servidores de vários estados aprovam paralisação no Dia Nacional de Luta pelo PCS; em Santa Catarina, JT de Chapecó também decide paralisar na terça


Além do Sintrajusc, que em assembléia realizada na quinta, 23/11, decidiu realizar um dia de paralisação na terça, 28/11, vários outros sindicatos de servidores do Judiciário Federal de todo o País também decidiram pressionar pelo PCS ou estão realizando assembléias. Em Santa Catarina, os servidores da JT de Chapecó também decidiram parar na terça. Veja abaixo como está a situação em alguns estados:

Assembléia da JF em Goiás aprova paralisação e manifestação no dia 28

Seguindo a orientação da Fenajufe, o Sinjufego/GO realizou ontem [23] assembléia com os servidores do Judiciário Federal para discutir as atividades de mobilização da próxima semana em defesa do PCS da categoria. Na Justiça Federal, os servidores aprovaram realizar uma paralisação no dia 28 de novembro, terça-feira, quando a haverá sessão deliberativa do Congresso Nacional. No mesmo dia, o sindicato promoverá uma manifestação em frente à sede da Justiça Federal, em Goiânia.
E para intensificar os trabalhos de pressão na Câmara e no Senado, o sindicato enviará a Brasília representantes no dia 28, dia da votação dos PLNs 11/06 e 12/06. Os servidores de Goiás também reforçarão o envio de carta aos deputados e senadores, reafirmando a importância da presença na sessão no Congresso para aprovação dos projetos de crédito suplementar.
Da mesma forma que a Fenajufe, o Sinjufego está alertando à categoria que é fundamental intensificar as mobilizações, já que a sanção dos projetos de revisão dos PCSs e a implementação das novas leis dependem da aprovação dos PLNs 11/06 e 12/06. O mês de novembro já está se encerrando e o recesso da Câmara e do Senado começa em 15 de dezembro. Por isso, os servidores devem reforçar a luta e garantir a aprovação dos projetos na próxima semana. O dia 28 pode ser decisivo na luta final pela conquista dos PCSs.

Da Fenajufe, com Sinjufego/GO

Servidores do TRT/BA aprovam paralisação de 24 horas para dia 28

A assembléia dos servidores do TRT da Bahia, realizada nesta tarde, aprovou fazer paralisação de 24 horas no próximo dia 28 de novembro, terça-feira. Além da paralisação, os servidores da Justiça do Trabalho deverão promover uma série de atividades de mobilização para reforçar as pressões em defesa do PCS do Judiciário Federal.
A paralisação na Bahia será no mesmo dia da sessão do Congresso Nacional, convocada ontem pelo presidente do Senado, Renan Calheiros [PMDB/AL]. Nesse dia, os sindicatos nos outros estados também deverão realizar manifestações. Em Brasília, a Fenajufe reforçara os trabalhos de pressão na Câmara e no Senado.
Na Bahia, o Sindjufe/BA realiza agora à tarde assembléia com os servidores da Justiça Federal, quando também será discutida a paralisação no dia 28. Amanhã, 24 de novembro, será a vez dos servidores do TRE discutir o indicativo de paralisação. O encontro na sede da Justiça Eleitoral da Bahia será às 13h.

Da Fenajufe – Leonor Costa

Assembléia geral no RS delibera por envio de caravana a Brasilia, vigília dia 28 e assembléia geral dia 29

A assembléia geral realizada na noite desta quinta-feira, 23, aprovou o indicativo da direção do Sintrajufe de enviar um grupo de 20 colegas a Brasília, com o objetivo de fortalecer os trabalhos de convencimento dos parlamentares no sentido de aprovarem os PLN 11 e 12 na sessão da próxima terça-feira, 28. Foi aprovado também a realização de vigília, no mesmo dia, na sede, para acompanhar a votação do plenário e a realização de nova assembléia geral no dia 29 para avaliação.

Fonte: Sintrajufe