Revista digital independente lança “Dossiê (anti) Veja”


A www.novae.inf.br colocou na internet um “Dossiê Veja” que é uma ata de acusação contra a publicaçãonúmero um do Grupo Civita. “Como a revista da editora Abril trata a sociedade Brasileira. Relembre alguns casos de manipulação dos fatos feita por Veja”, promete a Novae. E cumpre.
Algumas das capas comentadas por Massad O Dossiê da revista digital independente, que acaba de iniciar seu oitavo ano, reúne mais de uma dúzia de escritos de denúncia e polêmica com Veja. Entre eles, Racistas controlam a revista Veja, de Altamiro Borges, publicado originalmente no Vermelho.

Criador da revista não lê “para não sofrer”

A seleção é incompleta, e não poderia deixar de ser. A publicação da Abril tem despertado numerosas respostas, contra seu antilulisno e pró-americanismo virulentos e também contra sua sem-cerimônia no falseamento da verdade. A Novae reúne, porém, alguns dos textos mais perspicazes sobre o tema, fugindo daqueles que apenas desabafam a indignação, ainda que justificada, para dar lugar aos que lançam luz sobre o fenômeno Veja, seu sentido político-ideológico e social, cultural, jornalístico, mercadológico.
O texto de capa do Dossiê – Laboratório de invenções da elite -, de Anselmo Massad, da revista Fórum, aborda casos exemplares, nacionais e internacionais, de manipulação jornalística nas páginas de Veja. Ilustrado com dezenas de capas da revista dos Civita, o levantamento ouve Mino Carta, diretor responsável pela criação de Veja em 1968, e que hoje lê muito pouco sua criatura, para “não sofrer demais”. E também Raimundo Pereira, outro jornalista avançado que foi editor da revista em seus primeiros anos.
Numa véspera de segundo turno presidencial em que a internet se encheu de referências a Veja, na sua maioria críticas, O Dossiê da Novae se destaca. Cliqueaqui para visitá-lo.

Fonte: Portal Vermelho