Reforma sindical: fim da negociação, começo da disputa no Congresso


Proposta sai bem mastigada do Fórum Nacional do Trabalho, mas houve alguns recuos nos consensos entre trabalhadores e patronato, que teme estar dando poder demais às centrais sindicais.

Depois de quatro meses de reuniões informais para detalhar o anteprojeto da reforma sindical, a Comissão de Sistematização do Fórum Nacional do Trabalho declarou encerradas as negociações neste sábado (21). Essa etapa da discussão não estava prevista originalmente, mas o governo achou melhor discutir vírgula por vírgula da regulamentação que será enviada ao Congresso, para mostrar, principalmente aos representantes dos empregadores, que pretende respeitar integralmente os consensos firmados anteriormente.(Fonte: Agência Carta Maior)