Presidente do STJ defende aumento de idade para aposentadoria do servidor público nos três poderes


O presidente do Superior Tribunal de Justiça (STJ), ministro Edson Vidigal, disse ontem (8), na Comissão Especial, que tem por finalidade dar parecer à proposta de emenda à Constituição Federal sobre o aumento da idade para a aposentadoria do servidor público, que a medida deveria ser estendida a todos os três Poderes. A audiência na comissão contou também com participação do ministro do Tribunal de Contas da União (TCU), Ubiratan Aguiar, que defendeu a mesma posição do presidente do STJ. A emenda constitucional que tramita nessa comissão tem por finalidade alterar dispositivo constitucional e, como conseqüência, aumentar o limite de aposentadoria de 70 para 75 anos de idade.
O deputado João Castelo (PSDB-MA), relator da matéria na Comissão Especial, foi instado pelo ministro Vidigal a apresentar relatório substitutivo aprovando a emenda. Ao término da reunião, o presidente da Comissão disse que, na próxima audiência pública, o presidente do Supremo Tribunal Federal (STF), ministro Nelson Jobim, irá comparecer para fazer uma explanação sobre o tema.

Fonte: Direito Vivo