Plano de carreira da Câmara vai a sanção presidencial


O plenário do Senado aprovou dia 4/7 o plano de carreira dos servidores da Câmara, que institui gratificações de representação e disciplina um adicional de especialização. A matéria vai a sanção.
Segundo informações do Jornal do Senado, o adicional de especialização, de até 30% do vencimento, tem o objetivo de premiar os conhecimentos adquiridos e as habilidades específicas do servidor mediante capacitação, qualificação e desempenho de atividades de direção, chefia e assessoramento. A gratificação de representação visa ajustar o salário dos consultores da Câmara ao dos demais órgãos do Legislativo.

Fonte: Jornal do Senado