Paraguai lembrou ontem 50 anos do início da ditadura Stroessner


O Paraguai lembrou ontem a triste data em que o ditador Alfredo Stroessner, que hoje vive exilado em Brasília, no dia 15 de agosto de 1954. O golpe de 4 de maio de 1954 foi maquiado com a interinidade no poder de Tomás Romero Pereira, até que o ditador assumiu o poder depois de uma eleição em que concorreu como candidato único do Partido Colorado. Alfredo Stroessner Matiauda nasceu em Encarnación, no sul do país, em 3 de novembro de 1912, filho de Hugo Stroessner, um emigrante alemão que foi ao Paraguai em busca de fortuna. Stroessner ingressou no Exército quando tinha apenas 16 anos. (Fonte: Diário Vermelho)