Itaú registra o maior lucro acumulado do setor nos últimos 20 anos


O lucro líquido consolidado do Itáu nos nove primeiros meses deste ano chegou a R$ 6,444 bilhões. É 112% maior que o registrado um ano antes, quando o resultado chegou a R$ 3,029 bilhões. É também o maior lucro já registrado neste período por um banco brasileiro de capital aberto nos últimos 20 anos, segundo cálculos da consultoria Economática.
 
O resultado é o maior do setor até mesmo quando comparado aos resultados de um ano completo, de janeiro a dezembro. Superou o lucro anual recorde do Banco do Brasil (BB), em 2006, que foi de R$ 6.224 milhões, com o valor ajustado pelo IPCA até setembro.
 
Os três maiores bancos que já publicaram seus números dos nove meses de 2007 até o momento (Itaú, Bradesco e Santander) já ultrapassam o lucro anual do ano passado.
 
O Bradesco teve R$ 5,857 milhões nos nove meses de 2007 contra R$ 5.205 milhões do ano passado . O Santander R$ 1.309 milhões nos nove meses de 2007 contra R$ 828 milhões em 2006, segundo números corrigidos pela inflação.
 
No terceiro trimestre, o lucro líquido do Itaú alcançou R$ 2,428 bilhões, contra R$ 2,115 bilhões no trimestre anterior. Desconsiderando eventos não recorrentes, como a venda de parte da participação acionária na Redecard, o lucro líquido foi de R$ 1,569 bilhão, inferior ao R$ 1,919 bilhão do segundo trimestre deste calendário. Nos três meses encerrados em setembro de 2006, o ganho correspondeu a R$ 1,592 bilhão.
 
Conforme documento divulgado nesta terça-feira, o patrimônio líquido consolidado de R$ 28,003 bilhões do Itaú cresceu 29,1% sobre setembro de 2006. Os ativos consolidados do banco somaram R$ 298,484 bilhões, com alta de 44,2% ante o nono mês do ano passado. A carteira de crédito, incluindo avais e fianças, verificou aumento de 26,9% em relação a igual período do ano anterior, atingindo R$ 114,071 bilhões.
 
Fonte: Valor Econômico