Federação reivindica aprovação da PEC 219/12, que possibilita aos servidores de cargos técnicos fazerem concurso para professor


O Coordenador da Fenajufe, Roberto Ponciano, esteve nesta quinta-feira (24/04), nos gabinetes da deputada Andrea Zito (PSDB/RJ) e do presidente da CCJ (Comissão da Constituição e Justiça) na Câmara, Vicente Cândido (PT/SP), batalhando pela aprovação da PEC 219/2012. O projeto possibilita aos servidores de cargos técnicos (concurso de nível intermediário) fazerem concurso público para o cargo de professor, desde que no limite de 20 horas-aula semanais.

A PEC já tem relatório pela aprovação e aguarda ser incluído na pauta da sessão da CCJ. Após a aprovação, deverá ser criada uma comissão para finalizá-lo e levá-lo ao plenário. As informações foram dadas por Hermano Tavares, assessor legislativo da deputada.

Em conversa com Débora Ferreira, assessora do presidente da CCJ, Ponciano pediu que o projeto fosse pautado e comprometeu-se a enviar ofício e e-mails para que a proposta entre em pauta. Ele também ficou de conversar com representantes da Condsef e da Fasubra para que façam o mesmo. (Clique aqui para ler o ofício enviado hoje ao presidente da CCJ). O Coordenador da Fenajufe, Roberto Ponciano, esteve nesta quinta-feira (24/04), nos gabinetes da deputada Andrea Zito (PSDB/RJ) e do presidente da CCJ (Comissão da Constituição e Justiça) na Câmara, Vicente Cândido (PT/SP), batalhando pela aprovação da PEC 219/2012. O projeto possibilita aos servidores de cargos técnicos (concurso de nível intermediário) fazerem concurso público para o cargo de professor, desde que no limite de 20 horas-aula semanais.

A PEC já tem relatório pela aprovação e aguarda ser incluído na pauta da sessão da CCJ. Após a aprovação, deverá ser criada uma comissão para finalizá-lo e levá-lo ao plenário. As informações foram dadas por Hermano Tavares, assessor legislativo da deputada.

Em conversa com Débora Ferreira, assessora do presidente da CCJ, Ponciano pediu que o projeto fosse pautado e comprometeu-se a enviar ofício e e-mails para que a proposta entre em pauta. Ele também ficou de conversar com representantes da Condsef e da Fasubra para que façam o mesmo. (Clique aqui para ler o ofício enviado hoje ao presidente da CCJ). A Fenajufe orienta os sindicatos filiados a também enviarem este ofício ao deputado no endereço dep.vicente.candido@camara.leg.br e coloquem na página da entidade com o pedido de envio de e-mails ao presidente da CCJ.

Por Eduardo Wendhausen Ramos

Por Eduardo Wendhausen Ramos