Audiência na Câmara debate discriminação racial no trabalho


A Comissão de Direitos Humanos e Minorias realiza hoje audiência pública sobre a discriminação racial no mercado de trabalho. Ao sugerir o debate, os deputados Luiz Alberto (PT-BA) e João Grandão (PT-MS) ressaltaram que os trabalhadores negros – principalmente as mulheres – sofrem discriminação na vida profissional desde a admissão, passando pelos critérios de ascensão funcional e remuneração. Segundo os deputados, os bancos têm sido um dos setores que mais praticam atos discriminatórios de natureza racial.

Participantes

Foram convidados para a reunião:

– o ministro do Tribunal Superior do Trabalho Carlos Alberto Reis de Paula;
– o superintendente de Relações do Trabalho da Federação Brasileira de Bancos (Febraban), Magnus Ribas Apostólico;
– o vice-procurador do Ministério Público do Trabalho, Otávio Brito;
– o presidente do Instituto de Advocacia Racial e Ambiental (Iara), Humberto Adami;
– o diretor-executivo do Educafro – Educação e Cidadania de Afrodescendentes e Carentes, Frei David;
– a diretora-executiva da Confederação Nacional dos Trabalhadores do Ramo Financeiro (Contraf), Neide Aparecida Fonseca;
– o professor da Faculdade Delta da Bahia Luiz Chateubriand Cavalcanti dos Santos.

A audiência está marcada para as 14h30, no plenário 9.

Fonte: Agência Câmara