75 anos para igualdade entre homens e mulheres no mercado de trabalho


Mais 75 anos serão necessários para as mulheres ganharem o mesmo que os homens caso o mercado de trabalho continue evoluindo no ritmo de 1996 a 2005. A conclusão consta de estudo divulgado pelo BNDES no boletim “Visão do Desenvolvimento”, de autoria do economista do banco Antonio Marcos Ambrozio. De acordo com o estudo, “além do fato de as mulheres terem acesso limitado a cargos de chefia nas empresas, seus salários nesses postos são inferiores”. Segundo os dados, o salário médio real dos homens superou o das mulheres em todos os níveis de escolaridade.

Fonte: BNDES