Votação PCS: Fenajufe e Comando de Greve cobram posição de parlamentares


BRASÍLIA – 27/10/11 – Seguindo a orientação do Comando Nacional de Greve, de que é preciso intensificar as pressões em cima dos parlamentares da base de apoio do governo no Congresso Nacional, dirigentes da Fenajufe e representantes de alguns sindicatos estiveram na manhã de hoje [27] na Câmara e no Senado Federal, visando garantir novos apoios às negociações em torno do Plano de Cargos e Salários da categoria. Um dos parlamentares procurados pelos dirigentes sindicais foi o líder do governo no Congresso Nacional, deputado Cândido Vaccarezza [PT-SP], que já havia, em reunião no início do mês com a Federação, se comprometido a ajudar no diálogo com o governo.

No encontro, o coordenador da Fenajufe Antônio Melquíades [Melqui] e integrantes do Comando de Greve de São Paulo e da Paraíba contextualizaram os últimos fatos da semana, destacando a retirada do PL 6613/09 da pauta da sessão desta quarta-feira [26] da Comissão de Finanças e Tributação [CFT]. Eles apresentaram ao parlamentar a preocupação com a orientação do governo para que os membros da CFT votassem contrários, caso o projeto fosse a voto na sessão de ontem, com o argumento de que ainda não há previsão do reajuste na proposta da LOA.

O parlamentar informou aos servidores que já pautou o assunto com o governo, sem entrar, no entanto, em detalhes quanto ao teor das conversas. Vaccarezza disse, ainda, que o foco das pressões deve ser junto ao Executivo, considerando fundamental que sejam feitos contatos com a ministra do Planejamento, Míriam Belchior, e com o ministro da Fazendo, Guido Mantega. Em resposta, Melqui explicou que os ministros não recebem a Federação e, por isso, a importância do apoio de parlamentares com a influência de Vaccarezza.

O líder do governo no Congresso, além de afirmar que tem feito essa mediação, informou ao coordenador da Fenajufe que pretende tratar do assunto com a presidente Dilma Rousseff na próxima reunião da coordenação de governo.

Inácio Arruda também garante que tem feitos contatos no Executivo

Outro parlamentar procurado pelos dirigentes sindicais na manhã de hoje [27] foi o senador Inácio Arruda [PCdoB-CE], relator setorial da proposta da LOA na Comissão Mista de Orçamento. Em conversa com o coordenador da Fenajufe Antônio Melquíades [Melqui] e com o coordenador do Sindjufe-BA Rogério Fagundes, o senador também disse que já pautou o reajuste dos servidores em reuniões com representantes do Executivo e informou que na próxima semana deverá ser reunir com a ministra Miriam Belchior. Da mesma forma que o deputado Cândido Vaccarezza [PT-SP], Arruda também considerou que, para garantir o fechamento de um acordo, as negociações devem ser feitas com o Ministério do Planejamento.

Além do coordenador da Fenajufe e do representante do Sindjufe-BA, também participaram da conversa com Inácio Arruda servidores da Bahia e de São Paulo, que vieram participar das atividades de pressão em Brasília.

Da Fenajufe – Leonor Costa