Votação da LDO é adiada para a próxima terça-feira


A votação da Lei de Diretrizes Orçamentárias (LDO) foi adiada para a próxima terça-feira (5), quando a Comissão Mista de Planos, Orçamentos Públicos e Fiscalização (CMO), presidida pelo senador Gilberto Mestrinho (PMDB-AM), deverá se reunir. Com isso, o recesso de julho fica suspenso até que a lei seja aprovada no Congresso. De acordo com a Agência Senado, a oposição condiciona a votação da LDO ao funcionamento da comissão parlamentar mista de inquérito do Mensalão. Não há previsão de reajuste para os servidores públicos federais.

Fonte: Agência Senado