Todos à assembléia desta quarta, 19, às 13 horas, no TRT


PCS: só fazer conta não ajuda na aprovação
Por isso, todos à assembléia desta quarta, 19, às 13 horas, no TRT

Só pra lembrar: em novembro, receberemos a última parcela da GAJ. Depois disso, só o 0,1% do governo e mais nada. Além disso, agora que os juízes já receberam seu reajuste, só podemos contar com nossas próprias forças. Por isso, precisamos participar da assembléia desta quarta-feira, 19, Dia Nacional de Mobilização, para apressar a votação do projeto de lei do PCS (PL 5845/05) na Câmara dos Deputados. A assembléia é às 13 horas, no TRT. O projeto de lei ainda está na Comissão do Trabalho da Câmara, onde está recebendo emendas da Fenaufe e dos parlamentares. A decisão sobre o PCS na Comissão deve sair até o final de outubro, mas este é só o começo do processo no Congresso. Não podemos esquecer que o Orçamento para 2006 ainda está em discussão no Congresso e os valores do PCS precisam ser incluídos para pagamento no ano que vem.
Em vários estados, os servidores estão programando atividades para a quarta, com paralisações e manifestações. Somente uma grande demonstração de força fará com que os parlamentares do Congresso Nacional entendam a necessidade de aprovação do projeto de lei, única garantia de diminuição das perdas acumuladas há mais de 10 anos.
Até porque a batalha dos servidores promete ser tão dura no ano que vem quanto foi nos últimos anos, já que o governo continua fazendo malabarismos para explicar por que não pode reajustar os salários dos SPFs e continua pagando a fábula dos juros que paga. Por tudo isso, quem quer PCS tem de participar da assembléia desta quarta e exigir a aprovação do projeto de lei.