Sindicatos precisam reassumir papel político


13 Curso do NPC abre convocando sindicatos à ação social
 
 
Por Ana Claudia Araujo
 
Os sindicatos precisam superar a crise e reassumir seu papel no fortalecimento da luta social. Essa foi uma das tônicas do primeiro dia de palestras do 13 Curso Anual do Núcleo Piratininga de Comunicação (NPC), evento que acontece até o próximo domingo no Rio de Janeiro e que tem a participação de comunicadores de diversos sindicatos filiados à Fenajufe, entre eles, o Sintrajusc.
O encontro reúne a cada ano profissionais e dirigentes sindicais para refletir sobre o papel dos sindicatos e da sua comunicação nas lutas cotidianas da sociedade. Este ano, o evento é intitulado “Ação e prática dos trabalhadores na comunicação contra-hegemônica”.
 
Na opinião do jornalista Altamiro Borges, um dos palestrantes desta quinta-feira, os campos progressistas da sociedade, entre eles, os sindicatos, estão em período de defensiva estratégica. “A revolução não está na próxima esquina, estamos em um momento de acumulação de forças”, afirmou.
 
Superar esse momento e avançar através da prática, como sugere o encontro, depende a desburocratização dos sindicatos. “Hoje, os sindicatos passam mais tempo discutindo modelo de celular para a diretoria do que a mobilização social”, exemplifica Miro, como é conhecido o editor do Portal Vermelho. A seu ver, essa postura sindical contribui com o ideário equivocado, mas reafirmado nas últimas décadas pela grande mídia, de que “empresa estatal é elefante branco, servidor público é marajá e política social é gastança”. “O movimento sindical é um movimento reformista. É preciso transcender a ação meramente econômica e partir para a ação política, pois os sindicatos são um grande instrumento de ação social”, defendeu.
 
O primeiro dia de debates reuniu na mesma mesa representantes dos principais partidos político do campo progressista para o debate “Comunicação e Hegemonia na visão dos partidos de esquerda hoje”. Participaram representantes do PCdoB, PCB, PSOL, PSTU, PDT. Apenas o representante do PT não compareceu.