Sindicato negocia no TRE horas paradas na Greve


Nesta segunda-feira, 29, os Coordenadores do SINTRAJUSC Sérgio Murilo de Souza, Paulo Koinski e Edson Regis e o Assessor Jurídico Luciano Carvalho da Cunha reuniram-se com o Diretor-Geral do TRESC, Sérgio Manoel Martins, para negociar o abono das horas e dias parados na Greve pelo reajuste salarial. 
O Sindicato defende o abono de horas não laboradas nos termos conquistados pelos servidores do TRE de Alagoas e Pará.  Martins adiantou que até sexta-feira a presidência do Tribunal irá se manifestar sobre a proposta do Sindicato. 
Outro assunto tratado foi o não  pagamento de serviços extraordinários das Eleições 2014 (que neste ano estão sendo pagos como horas extras) a vários servidores. O diretor ficou de verificar esses casos e dar retorno ao Sindicato. O SINTRAJUSC informa que a Assessoria Jurídica está à disposição dos servidores que não receberam esses valores.