Servidores do TRE/PB estão em vigília


Os servidores do Tribunal Regional Eleitoral da Paraíba passaram toda a tarde de ontem (08/03) em vigíla no térreo do edifício do TRE. Os servidores ficaram discutindo os avanços da categoria eleitoral enquanto uma comissão era recebida pelo novo Presidente do TRE, Desembargador Jorge Ribeiro. A reunião foi realizada a partir de um ofício do Sindjuf/PB, do dia 28 de fevereiro deste ano, solicitando a audiência. O ofício só foi despachado ontem, 8 de março, pelo presidente e a reunião teve início por volta das 16 horas, indo até as 18h.
Segundo notícia publicada no sítio eletrônico do TRE/PB, na avaliação do desembargador a reunião foi excelente, “estamos chegando a um consenso, nesse processo que é dialogar, expor as nossas razões, dizer o que está passando, o que pretendemos, para depois estudarmos as propostas que nos foram oferecidas, postas em mesa, e depois adequarmos, dentro da medida do possível. O que nós queremos é exatamente isso: chegarmos a um consenso. O nosso propósito é que a máquina judiciária funcione a contento. Eu tenho impressão que é o espírito de todos aqui dentro”.
Já os servidores não fizeram a mesma leitura e decidiram, ao final da assembléia de ontem, continuar em vigília e assembléia nesta sexta-feira. Na avaliação dos servidores houve um avanço, sim, com a abertura do diálogo até então inexistente. “Por outro lado, nada de concreto foi apresentado pela administração”, ressaltou o diretor Marcos Brasilino, do Sindjuf/PB. O Presidente do TRE ouviu os servidores, mostrou-se preocupado com a situação, mas não apontou nenhuma solução para o problema da enxurrada de nomeações que procedeu no TRE da Paraíba, afirma o diretor.
Os servidores continuam em assembléia nesta sexta-feira e podem decidir pela efetivação do protocolo de renúncia coletiva da categoria que, em face da abertura do diálogo, não foi feito ontem.

Fonte: Sindjuf/PB