Servidores da saúde e da previdência páram 24h dias 23 e 24


Por Marcela Cornelli

A Federação Nacional dos Sindicatos dos Trabalhadores em Saúde, Trabalho e Previdência Social (FENASPS) aprovou, em plenária, paralisação para os dias 23 e 24 de março e indicativo de greve por tempo indeterminado a partir do dia 20 de abril.

O SINDPREVS/SC vai acompanhar o calendário e está organizando a paralização para esta terça e quarta.

A proposta de greve por tempo indeterminado a partir do dia 20 de abril será discutida pelo SINDPREVS/SC na Plenária Sindical de Base e na Assembléia Estadual Ordinária do Sinidcato, que serão realizadas em Florianópolis, nos dias 25 e 26 de março, respectivamente.

Na pauta de reivindicações dos servidores estão o cumprimento integral do Acordo de Greve, a reposição das perdas de 50,19%, implementação de uma política de recuperação das perdas históricas de 127% (retroativo a 1995), implantação de um piso salarial no Serviço Público Federal, a incorporação das Gratificações e da GAE, a jornada de 30 horas semanais e um Plano de Carreira para os trabalhadores da Seguridade Social.

Fonte: Sindprevs/SC