Rede Globo e Grupo RBS são alvos de protestos


Os protestos incorporaram uma bandeira de luta que está se espalhando país afora, contra a Rede Globo. Em Porto Alegre houve ato na frente do Grupo RBS, afiliado da Rede Globo. Os manifestantes, como mostraram meios de comunicação, repudiaram a atuação dos veículos do grupo e protestaram a favor da democratização dos meios de comunicação no Brasil. Com cartazes, faixas e bandeiras, os manifestantes ficaram cerca de duas horas em frente ao local e terminaram a ação despejando tonéis de esterco na entrada do prédio. “Estamos devolvendo o que vocês nos mostram todos os dias”, foi uma das declarações no megafone.

A Rede Globo, que em junho e julho ecoou as manifestações contra a corrupção, anda às voltas com tentativas de esconder o escândalo de sonegação fiscal, que chega a R$ 615 milhões, e as denúncias de operações de braços da empresa em paraísos fiscais. A Globo, como toda a grande mídia, fez coberturas no sentido de minimizar o impacto das manifestações organizadas pelas Centrais Sindicais. Por aqui, para comprovar isso, basta ler a edição de hoje do Diário Catarinense, jornal que é o carro-chefe do Grupo RBS. Para saber mais sobre o que a Globo esconde, vá em http://www.ocafezinho.com/2013/07/12/midia-tenta-abafar-protestos-contra-a-globo/