Presidente da CFT nomeia outro relator para o PL 4363/12


O presidente da Comissão de Finanças e Tributação da Câmara (CFT), deputado Antônio Andrade (PMDB-MG), nomeou nesta quinta-feira (29) outro deputado para relatar o PL 4363/12, que aumenta a GAJ (Gratificação Judiciária) para 100%. O novo relator é Afonso Florence, do PT da Bahia. Na página da tramitação do projeto na Câmara consta que o deputado José Guimarães (PT-CE) fora designado relator na última terça-feira (27). No entanto, nesta quinta o projeto foi devolvido sem manifestação, tendo agora novo relator.

Segundo apurou a assessoria parlamentar da Fenajufe, o deputado baiano teria reivindicado ao presidente da CFT a relatoria assim que o projeto chegou à Comissão de Finanças, há mais de 15 dias. Outra informação é que o deputado José Guimarães é o principal nome cotado para assumir a liderança do PT nos próximos dias e, por isso, ele teria que deixar a CFT. De acordo com informações obtidas pela assessoria parlamentar no gabinete da CFT, diante desses fatos, o deputado Antônio Andrade decidiu passar a relatoria do PL 4363/12 para o deputado Afonso Florence.

Na avaliação de Antônio Augusto Queiroz (Toninho do Diap), assessor parlamentar da Fenajufe, esses dois fatores devem ter contribuído na decisão do presidente da CFT de mudar o relator. Para ele, independentemente da tramitação do projeto na CFT, onde foi aberto, a partir desta sexta-feira (29), o prazo de cinco sessões para os deputados apresentarem emendas, o foco da atuação da Fenajufe deve ser para que os projetos de revisão salarial sejam enviados direto ao plenário da Câmara, a partir dos requerimentos de urgência urgentíssima. “Com o tempo apertado que temos no Legislativo, para que a revisão salarial seja apreciado ainda este ano é preciso trabalhar o envio dos projetos logo ao plenário. E esse deve ser o foco nos próximos dias”, afirma Toninho do Diap.