PCS será discutido na Câmara na quarta-feira, 14


Agora, findas as eleições, precisamos de todos juntos para a principal batalha do momento que é a aprovação do PCS. Um intenso trabalho do Comando de Mobilização pelo PCS teve como conseqüência a promessa do relator do projeto de lei (PL 5845/05) de colocar o assunto em discussão na Comissão do Trabalho, Administração e Serviço Público da Câmara no dia 14 de dezembro, próxima quarta-feira.
O Comando de Mobilização continua a visitar os parlamentares que integram a Comissão da Câmara, fazendo pressão para a votação do projeto.
Num primeiro momento, o relator afirmou que não daria para pautar a apreciação do projeto ainda este ano, mas mudou de idéia em função da conversa com integrantes do Comando de Mobilização, que acionaram outros parlamentares. Os integrantes do Comando tentam agora uma audiência com o relator do projeto de lei até amanhã, 13. Ele já avisou que há alterações no texto e os servidores querem estar a par antes de o projeto ir à votação. Nesta terça-feira, 13, o Comando Nacional de Mobilização continuará os contatos na Câmara dos Deputados.
A idéia é garantir a aprovação na comissão para adiantar o andamento. O relator já tem parecer favorável. Se for aprovado agora, restarão mais duas comissões: Constituição e Justiça e Finanças. É igual ao PCS de 2002, que todos acompanhamos.
Devemos nos preparar para a mobilização pois, como da outra vez, a aprovação final somente vai sair com muita pressão e, provavelmente, com mais uma greve.