Paim defende manutenção da PEC Paralela


Por Marcela Cornelli

Segundo a Agência Senado, o senador Paulo Paim (PT-RS considera “inaceitável” o que está sendo feito na Câmara dos Deputados com a chamada PEC Paralela, proposta esta que foi aprovada no Senado como contrapartida à reforma da Previdência.

“Há gente mentindo de forma descarada e vergonhosa, estão transformando a tramitação da PEC Paralela em algo lamacento, pantanoso. Há um acordo que envolveu o governo e suas lideranças, envolveu a mim próprio, e estão violentando esse acordo de forma inaceitável”, protestou, referindo-se às mudanças no texto original da reforma da Previdência que tramitariam na PEC Paralela.

Paim afirmou que se houver quebra do acordo, com a mudança da PEC Paralela na Câmara, não haverá mais condições para que o Senado aprove nenhuma proposta que dependa de acordo.

Fonte: Agência Senado