Os servidores de Santa Catarina irão aderir ao “Apagão” no Judiciário Federal


Os servidores de Santa Catarina irão aderir ao “Apagão” no Judiciário Federal, com ênfase na Justiça Eleitoral. Em Assembleia realizada nesta quinta-feira, 28, no TRE-SC, com a presença de cerca de 80 servidores das três Justiças – a maior Assembleia do ano, mostrando que o movimento está se fortalecendo dia a dia – , foi aprovada por maioria paralisação de duas horas no dia 4 de julho, quarta-feira da próxima semana, das 15 às 17 horas, com concentração da frente do TRE-SC. A decisão segue indicativo de Fenajufe e acompanha a mobilização nacional pelo PCS.
Houve uma série de avaliações na Assembleia para medir a possibilidade de paralisação. No atual cenário, predominou a de que é preciso convencer os servidores de que o PCS não virá sem luta. Isso já ficou claro nas declarações do Executivo. A política do governo Dilma é de reajuste zero.
Mas, para preparar um movimento ainda mais forte, se faz necessário, também, mobilizar mais trabalhadores das três Justiças, especialmente os que, desde que a luta pelo PCS começou, há quatro anos, não fizeram Greve nem participaram de Assembleia. Essa mobilização já vem sendo feita, mas precisa crescer porque o governo tem que sentir a pressão dos servidores, especialmente em ano eleitoral. Converse com seus colegas e construa a paralisação no seu setor de trabalho! No interior do estado, o Sindicato solicita que os colegas façam reuniões por local de trabalho e informem o SINTRAJUSC sobre o resultado (mensagem para administrativo@sintrajusc.org.br)