Nova diretoria da Fenajufe tomou posse no domingo (01/04)


Os novos coordenadores da Fenajufe, que estarão à frente da diretoria executiva da Federação nos próximos três anos, tomaram posse na tarde de domingo, 1° de abril, em Gramado/RS. Três chapas concorreram à eleição da diretoria, realizada na noite de sábado (31). O processo eleitoral foi conduzido pela comissão composta por Caio Teixeira (SC), Marcelo Carlini (RS), Antônio Alcides (DF), Daniel Seidel (DF) e Démerson Dias (SP). Após a eleição, encerrada por volta das 23h de sábado, a comissão eleitoral realizou a apuração dos votos.
No total, foram computados 413 votos válidos, sete votos nulos e cinco abstenções. A chapa 1 – Unidade para avançar, obteve o maior número de votos, tendo recebido 240 votos. A chapa 2 – Luta Fenajufe, ficou em segundo lugar, com 115 votos. A chapa 3 – Alternativa cutista, teve 58 votos. Pelos critérios da proporcionalidade, conforme prevê o estatuto da Fenajufe, a diretoria será composta por representantes das três chapas. A Chapa 1 ocupa dez vagas de titulares e três de suplentes; a Chapa 2 ficou com cinco titulares e dois suplentes; e a Chapa 3 com dois titulares e um suplente.

Plenário aprova interpretação que garante resultado das urnas

A divergência entre o Estatuto e o Regimento Eleitoral causou grande confusão durante a votação. Ocorre que o Estatuto da entidade diz que a Diretoria Executiva será composta por 17 titulares e seis suplentes e o Regimento Eleitoral diz que a diretoria é composta por 23 membros, embora haja consenso de que os suplentes só ocupam cargos nos casos de impedimento dos titulares.
Na prática, essa diferença poderia gerar uma distorção entre os votos recebidos pelas chapas e o número de representantes a que faziam jus. Se fosse considerado o número de 23 membros a chapa que fez 58,11% do Congresso teria a representação de 47% dos diretores titulares. Os 41,89% alcançados pela outras duas chapas no Congresso virariam 53% dos titulares na direção.
Para fazer valer o seu voto, os delegados reafirmaram o Estatuto da entidade e aprovaram a correta interpretação do artigo, considerando que a direção da Fenajufe é composta por 17 membros titulares e 6 suplentes.
Inconformada, a Chapa 3 recorreu ao Judiciário para impor mais um titular na direção.

Confira abaixo os nomes dos novos coordenadores da Fenajufe, que tomaram posse neste domingo, 1° de abril:

Coordenadores titulares

Roberto Policarpo Fagundes – DF
Ramiro Santana Moreno López – RS
Jacqueline Albuquerque – PE
Rogério Fagundes de Assis – BA
Sheila Tinoco de O. Fonseca – DF
Lúcia Maria B. de Freitas – MG
Ângela Albino – SC
Berilo José Leão Neto – DF
Roniel Andrade – SP
José de Ribamar França – PA
Cláudio Antônio Klein – SP
Saulo Costa Arcangeli – MA
Antônio dos Anjos Melquiades – SP
Pedro Aparecido de Souza – MT
José Moraes Junior – AL

Coordenadores suplentes

Joaquim José T. Castrillon – SP
Marcos J. dos Santos – PB
Jailton Mangueira Assis – DF
Paulo Roberto Rios Ribeiro – MA
Paulo Sérgio da Silva Falcão – AL

Fonte: Fenajufe