Ministro da Justiça diz que Senado pode votar até o dia 13/2 pontos da Reforma do Judiciário


Por Marcela Cornelli

O ministro da Justiça, Márcio Thomaz Bastos, disse hoje acreditar que o Senado votará até o dia 13 deste mês, quando termina o período de convocação extraordinária do Congresso Nacional, alguns pontos da reforma do Judiciário.

O ministro voltou a defender o controle externo do Judiciárioa. Mas, na sua opinião, disse não acreditar que por si só a reforma seja suficiente para promover as mudanças necessárias na Justiça.

“Não é uma reforma que se faça por milagre, não é uma reforma onde haja, à semelhança do crime, um tiro de canhão. É preciso trabalhar com paciência nos níveis constitucional, infraconstitucional e extralegal a fim de que tenhamos efetivamente aquela Justiça que é a dos nossos sonhos”, declarou.

Fonte: BBC Brasil