Fenajufe protocola documentos para garantir remoção e enquadramento no TSE


Na tarde de terça (12), os coordenadores da Fenajufe, Roberto Policarpo, Lucia Bernardes e Cláudio Azevedo, foram cobrar do TSE os encaminhamentos dados às reivindicações apresentadas ao presidente do Tribunal, ministro Marco Aurélio, no último dia 5. Representando a administração do tribunal, coube ao diretor-geral, Athayde Fontoura, apresentar o que já foi feito.

GAS e AQ

Sobre a demora, alegada por Policarpo, em distribuir os processos que tratavam da implementação do adicional de qualificação e da GAS (Gratificação de Atividade de Segurança), todos da portaria conjunta nº 01, Athayde informou que no próprio dia 5 de junho, após a audiência com os coordenadores da Fenajufe, Marco Aurélio fez a distribuição, cabendo ao ministro Carlos Ayres Brito a relatoria do AQ e ao ministro César Peluzo, a relatoria da GAS. A Fenajufe já agendou audiência com os dois ministros.

Enquadramento

Sobre a implementação do enquadramento previsto no artigo 22 do PCS, cujo ofício requerendo a urgência no pagamento foi apresentado pela Fenajufe no dia 8 de junho,
Athayde avalia que há possibilidade de serem atendidas, uma vez que o próprio ministro Marco Aurélio, após audiência da semana passada, orientou que fossem tomadas providências para resolver esse problema o mais rápido possível.

Remoção

A Fenajufe protocolou ontem (13) no TSE documento apresentando todos os argumentos que explicam a importância de garantir o direito dos servidores em estágio probatório da Justiça Eleitoral a participarem do concurso de remoção, da mesma forma em que será aplicado nos demais ramos do Judiciário Federal. O ofício, que foi encaminhado diretamente ao presidente Marco Aurélio e ao diretor-geral, também será entregue a todos os ministros do TSE, em formato de memorial, para garantir o apoio de todos.
Confira abaixo o inteiro teor dos ofícios protocolocados no TSE sobre:

Pagamento do reenquadramento(http://www.fenajufe.org.br/port/noticias/id404.htm)

Regulamentação da remoção(http://www.fenajufe.org.br/port/noticias/TSE12-06.doc)

Fonte: Fenajufe