Emendas à reforma da Previdência podem ser votadas na CCJ do Senado


Por Marcela Cornellli

Após aprovação por 14 a 7 votos do texto base da reforma da Previdência, na quinta-feira, 26/9, na Comissão de Constituição e Justiça (CCJ) do Senado, o Colegiado volta a se reunir na terça-feira, 30/9, para votar as 200 emendas apresentadas ao texto da reforma aprovada na Câmara dos Deputados.

Depois da apreciação das emendas, a proposta segue para o plenário do Senado, onde terá cinco sessões para discussão da matéria. Nesse período, a proposta poderá receber emendas. Caso isso ocorra, a matéria retorna para a CCJ para que o relator emita parecer sobre essas emendas de plenário. Depois desse processo, a PEC retorna ao plenário para votação em primeiro turno.

Fonte: DIAP