Bancários de Florianópolis podem parar sexta-feira


Por Imprensa

O Sindicato dos Bancários de Florianópolis e Região, o SEEB Floripa, sentará à mesa de negociação com a Direção do Besc (Banco do Estado de Santa Catarina) nesta terça-feira (1611) às 15h, e irá exigir do Banco o cumprimento na íntegra do Acordo assinado com a Fenaban na última (11/11) e também o pagamento imediato dos 12,6%, pendentes da Campanha Salarial do ano passado.

Uma rodada de negociação estava marcada para o último dia 10 de novembro, mas a Direção do Besc desmarcou a 30 minutos do início das negociações alegando que não havia proposta para apresentar e que o presidente da instituição estava em Brasília.

No Ceará e no Piauí, que também têm seus bancos federalizados, o acordo já está assinado. Os trabalhadores vão receber o Acordo da Fenaban (8,5% mais R$ 30,00 para aqueles que recebem até R$ 1.500,00 de salário). E ainda receberão Participação nos Lucros no valor de um salário bruto, paga em duas parcelas.

Bancos públicos – As negociações com o Banco do Brasil e com a Caixa também estão evoluindo e é possível que tenhamos um desfecho nos próximos dias. Todos os bancos do país ou estão negociando ou já fecharam o Acordo, como o BEP (Piauí) e o BEC (Ceará).

A FETEC/SC, reunida nesta quarta-feira (10/11) orientou os sindicatos a fazerem Assembléias na próxima quinta-feira (18/11) para discutir com a categoria o indicativo de paralisação de 24 horas na sexta-feira (19/11). Em Florianópolis a Assembléia será realizada na quinta-feira (18/11),às 18 horas no Salão da Catedral Metropolitana.

Fonte: Sindicato dos Bancários de Florianópolis e Região