Agentes de segurança discutem regulamentação do porte de armas na JF


Nesta segunda-feira, 18 de junho, o coordenador da Fenajufe Roniel Andrande acompanhou a reunião do Fórum Permanente de Corregedores Gerais da Justiça Federal, que discutiu, entre os vários itens da pauta, a proposta de resolução que regulamenta o porte de armas no âmbito de toda a Justiça Federal do país. A minuta, que era o item 4 da pauta, foi apresentada pelo desembargador Francisco Wildo Lacerda Dantas, corregedor-geral da Justiça Federal da 5ª Região, com o conteúdo baseado nos documentos entregues pelo coordenador da Fenajufe Roniel Andrade na reunião do Fórum, realizada no dia 22 de abril, em São Paulo.
Antes da reunião de segunda, Roniel conversou com o desembargador Sérgio Feltrim para tratar da proposta. O coordenador da Fenajufe informou que ainda não tinha conhecimento aprofundado sobre o conteúdo da minuta e que seria necessário mais tempo na tramitação para que os servidores agentes de segurança, principais atingidos com essa medida, possam debater o assunto.
Atento aos argumentos do dirigente sindical, o desembargador Sérgio Feltrim, durante a reunião, pediu que o relator da matéria, desembargador Francisco Wildo, remetesse a proposta para a próxima reunião do Fórum Permanente de Corregedores da JF. O objetivo é que os representantes das entidades dos agentes de segurança, como a Fenajufe, tenham tempo para debater o conteúdo da proposta de resolução sobre o porte de armas.
Ao final da reunião, Francisco Wildo sugeriu que, após o debate com a categoria, as entidades enviem suas sugestões sobre a proposta para seu e-mail. Ele também se comprometeu a colocar a proposta de minuta na pauta da próxima reunião do Fórum, que ainda não tem data marcada, mas deve acontecer em um mês.

Fonte: Fenajufe