A concentração do Grito dos Excluídos na Capital será no domingo às 7h30min atrás do Direto do Campo


Por Janice Miranda

Segundo a organização estadual do Grito dos Excluídos, que teve reunião esta manhã na sede da CUT, em Florianópolis, a concentração para o Ato será às 7h30min, atrás do Direto do Campo (antigo Cestão do Povo), no Centro.

Os organizadores aguardam resposta do cerimonial do Palácio Santa Catarina, sobre o pedido de autorização para participar do desfile cívico, na Capital. A última reunião de organização do Grito dos Excluídos acontecerá na próxima quinta-feira, dia 4/9, às 14 horas na sede da CUT. No restante do Estado, as microrregionais da Central estão discutindo a forma de manifestação no dia 7 de setembro.

Em sua nona edição, o Grito tem como lema “Tirem as mãos… o Brasil é nosso chão”. O Ato é realizado todos os anos durante a comemoração da Semana da Pátria, desde 95, pela CNBB [Confederação Nacional dos Bispos do Brasil], em conjunto com a Campanha Jubileu Sul.

A previsão é que as atividades neste ano sejam feitas em 2,5 mil localidades brasileiras. Estão previstas manifestações e passeatas em todo o país durantes esta semana, dentre elas a tradicional marcha de trabalhadores até Aparecida do Norte, no dia 7. Na capital paulista, as mobilizações acontecem no Museu do Ipiranga.

Da Redação