XVII Convenção Nacional de Solidariedade a Cuba


De 10 a 13 de junho, Florianópolis comemora programação especial em homenagem aos 50 anos da revolução cubana. A iniciativa é da Associação Cultural José Marti, e o evento acontecerá no Auditório Antonieta de Barros na Assembléia Legislativa de Santa Catarina, em Florianópolis. As inscrições são gratuitas.  

A abertura oficial será no dia 10, a partir das 19h, com apresentação cultural e execução dos hinos nacionais de Cuba e Brasil. Estão confirmadas as presenças do embaixador de Cuba no Brasil, Pedro Nuñez Mosquera,  do representante do Instituto Cubano de Amistad com Los Pueblos, e representantes de organizações políticas da sociedade civil. Às 22h, haverá confraternização.
 
A programação segue na quinta-feira (11), às 9h, com espaço aberto às associações de solidariedade dos estados de SC, RS, RJ e MG falarem sobre as atividades realizadas desde a última convenção. Às 9h30, acontecerá palestra e debate sobre “50 anos da Revolução Cubana: A desinformação e a Solidariedade”. Os convidados a compor a mesa são Enrique Joaquim Hernandez, vice-presidente do ICAP, Harry Vaillegas, representante da Associação Nacional dos Combatentes e Tubal Paez da União dos Jornalistas de Cuba.
 
O último dia (12), às 9h30, será realizada palestra e debate sobre os “50 anos da Revolução Cubana: A questão dos cinco heróis e a questão da juventude”, com a participação de Fábio Simeon, Camilo Rojo e Natividada Guerrero. Á noite tem festa comemorativa aos 50 anos da Revolução Cubana e homenagem especial. Dia 13, encerra a programação com plenária final do encontro. Mais informações sobre programação e contato seguem abaixo.
 
01. PROGRAMAÇÃO
 
Programação em anexo
 
 
02. CONTATOS E INSCRIÇÕES
 
– Inscrição gratuita;
– por telefone: com EDISON – (48) 3025-2991 ou (48) 9946-9441 ou
HELOISA – (48) 88111735 ou (48) 33355872
– por e-mail: xviiconvencaocuba@gmail.com
 
 
03. ALOJAMENTO
 
Solicitamos que se comunique com antecedência para efetuar reservas
em hotéis, pois com isso se garante a vaga e um preço promocional.
Caso contrário podem ocorrer problemas. É necessário acertar com os
hotéis os pagamentos, mencionando o nome de Edison e que é para a
Convenção de Solidariedade a Cuba
 
No caso do alojamento gratuito, favor nos comunicar com antecedência
para reservarmos. É necessário trazer colchão/colchonete e roupa de
cama.
 
– Alojamento gratuito – ao lado do local do evento na Escola Básica
Governador Celso Ramos.
 
– Hotéis
 
01. Hotel Cecomtur
– diárias em torno de R$ 49,00 – preço promocional;
– contato com Márcio (48) 2107-8800
hospedagem@ceconturhotel.com.br
 
02. Oscar Hotel
– diárias de R$ 35,00 por pessoa;
– contato com Débora Decker – (48) 3222-009
comercial@oscarhotel.com.br
 
XVII Convenção Nacional de Solidariedade a Cuba
 
10 a 13 de junho de 2009
 
Florianópolis – SC
 
 
CONVIDADOS CUBANOS
 
– TUBAL PAEZ.- Presidente da União de Jornalistas de Cuba e deputado
da ANPP (Assembléia Nacional do Poder Popular) da República de Cuba;
 
– HARRY VILLEGAS – Associação Nacional de Combatentes – General de
Brigada – Herói Nacional de Cuba, membro do Comitê Central do PCC
(Partido Comunista de Cuba) e deputado da ANPP de Cuba;
 
-NATIVIDAD GUERRERO BORREGO – Diretora do Centro de Investigações
sobre a Juventude Cubana;
 
– CAMILO ROJAS ÁLVARES – advogado, Presidente do Comitê de Familiares
de Vítimas do Terrorismo, filho de um dos pilotos do avião civil
cubano derrubado em Barbados, em 1976;
 
– ENRIQUE JOAQUIN ROMÁN HERNANDEZ – primeiro vice-presidente do ICAP
(Instituto de Amizade com os Povos);
 
– FÁBIO SIMEÓN GONZALEZ – especialista do ICAP.
 
– PEDRO NUÑEZ MOSQUERA – Embaixador de Cuba no Brasil.
 
XVII Convenção Nacional de Solidariedade a Cuba
 
10 a 13 de junho de 2009
 
Florianópolis – SC
 
Auditório Antonieta de Barros da ALESC
(Assembléia Legislativa do Estado de Santa Catarina)
 
OBS: o feriado de Corpus Christi é dia 11 de junho
 
PROGRAMAÇÃO
 
10 de Junho (Quarta-feira) – 19 horas – Abertura
– Abertura oficial com apresentação cultural e execução dos hinos
nacionais de Cuba e Brasil).
– Presença do embaixador de Cuba no Brasil, Pedro Nuñez Mosquera. o
representante do ICAP (Instituto Cubano de Amistad con los Pueblos),
e, representantes de organizações políticas da sociedade civil.
 
22 H – Confraternização.
 
obs: o credenciamento dos participantes iniciará a partir das 14 H.
 
11 de Junho (Quinta-feira)
 
09.00 H – informes das associações de solidariedade dos estados de SC,
RS, RJ e MG, sobre as atividades realizadas desde a última convenção –
05 minutos para cada entidade.
 
09.30 H às 12.00 H – Palestra e debate: 50 Anos da Revolução Cubana: A
Desinformação e a Solidariedade. Mesa formada por Enrique Joaquin
Roman Hernandez – vice-presidente do ICAP, Harry Villegas (Associação
Nacional dos Combatentes) e Tubal Paez (União dos Jornalistas de
Cuba).
 
14.00 às 18.00 H – Grupos de debate/trabalho (em dois locais distintos):
 
a) Luta contra o bloqueio, informação e desinformação – com a
presença de Tubal Paez (Presidente da União dos Jornalistas de Cuba);
 
b) Solidariedade – com a presença de Enrique Roman e Harry Villegas.
Obs: neste grupo, no início, haverá a apresentação de um trabalho
sobre a história do movimento brasileiro de solidariedade a Cuba.
 
19.00 H – Reunião com diretores de entidades de solidariedade do Brasil.
 
20.00 H – Atividade Cultural.
 
12 de Junho (Sexta-feira)
 
09 H – informes das associações de solidariedade dos estados de SP,
PE, RN e PR, sobre as atividades realizadas desde a última convenção
– 05 minutos para cada entidade.
 
09.30 às 12.00 H – Palestra e debate: 50 Anos da Revolução Cubana: A
Questão dos Cinco Heróis e a Questão da Juventude – Fábio Simeon,
Camilo Rojo e Natividad Guerrero.
 
14.00 às 18.00 H – Grupos de debate/trabalho (em dois locais distintos):
 
c) Libertação dos 5 heróis Cubanos – com Camilo Rojo
 
d) Juventude, convênios educacionais, associações de pais de
estudantes – Natividad Guerrero.
 
20 H. – Festa comemorativa pelos 50 anos da Revolução Cubana e
homenagem especial
 
13 de junho (Sábado)
 
09.00 às 12.00 H – Plenária Final
 
– apresentação dos relatórios dos 04 grupos de trabalho;
– discussão e aprovação dos relatórios;
– aprovação da Declaração de Florianópolis;
– definição do local da convenção do próximo ano;
– considerações finais da entidade organizadora da próxima convenção e do
representante do ICAP.
 
OBS: Cada grupo de trabalho terá um coordenador e um relator de uma
das associações, que iniciará com um informe do que foi definido na
convenção anterior. Haverá uma intervenção de cada um dos convidados,
e, em seguida um debate. O Relatório das propostas deverá ser escrito
no final, e, passado para a Comissão Central que se encarregará da
digitação.
 
 

XVII Convenção Nacional de Solidariedade a Cuba no Brasil.
Florianópolis, Santa Catarina, de 10 a 13 de Junho 2009
Viva os 50 anos da Revolução Cubana
Informação: (48) 3025 2991 / 9946 9441

Fonte: SindSaúde