TSE impede que Dário Berger se diplome prefeito de Florianópolis


Por Imprensa

Uma liminar do Tribunal Superior Eleitoral (TSE) impediu a diplomação do prefeito eleito de Florianópolis, Dário Berger (PSDB), na noite desta quinta-feira (16).

O documento do TSE chegou ao Centro Integrado de Cultura (CIC), onde seria realizada a cerimônia, por volta das 19h30min, meia hora antes da diplomação. Dário Berger foi avisado pelo juiz da 12ª Zona Eleitoral, José Inácio Schaefer, na porta de entrada do CIC.

A liminar foi impetrada pelo Partido Progressista (PP), que queria garantir que o tucano só fosse diplomado após encerrar o processo que ele responde no Tribunal Regional Eleitoral (TRE).

O ministro Luiz Carlos Lopes Madeira, do TSE, que concedeu a liminar, determinou que Dário só poderá ser diplomado depois do julgamento pelo Tribunal Regional Eleitoral (TRE) da ação contra sua candidatura. Dário é acusado de abuso do poder político e utilização de bens públicos durante a campanha.

O prefeito eleito chegou a ser convidado para permanecer no CIC e acompanhar a diplomação dos 16 vereadores, mas preferiu sair em silêncio pelos fundos do prédio.

Fonte: Matéria de Vinicius Puhl, com informações do Diário Catarinense e CBN/Diário