TRE de Minas destina chefias de cartório para servidores do quadro


Em cumprimento à resolução do Tribunal Superior Eleitoral nº 21.832/2005, o Tribunal Regional Eleitoral de Minas Gerais designou para as chefias de cartório – nos casos em que isso ainda não ocorria – servidores do quadro do órgão. De acordo com a coordenadora de Pessoal do TRE/MG, Gessy Rodrigues Costa, agora todos os cartórios são chefiados por servidor da carreira, exceto aqueles que têm apenas cedidos ou requisitados em sua composição. “Assim que houver provimento de servidores nesses cartórios, a mudança será feita”, disse Gessy Rodrigues.
A resolução determinava que a adequação deveria ocorrer até 31 de julho. De acordo com o Sitraemg, como os novos servidores começaram a ser efetivados no mesmo mês, o TRE mineiro não teve tempo hábil para realizar a preparação. Ainda segundo o sindicato, com o objetivo de não prejudicar o andamento do referendo, que ocorreu no dia 23 de outubro, a administração do Tribunal solicitou a prorrogação para 1º de novembro, quando começou a cumprir a determinação.

Fonte: Fenajufe, com informações do Jornal O Trabalhador Judiciário/Sitraemg