Hoje tem ato público em Brasília com servidores de vários estados


Hoje será um dia de intensas atividades em Brasília para os servidores do Judiciário Federal. Agora pela manhã, as caravanas que vieram de vários estados do país estão fazendo trabalho de “corpo a corpo” com os parlamentares, da Câmara e do Senado, para pedir apoio à aprovação do projeto que revisa o Plano de Cargos e Salários da categoria. O trabalho começou ontem e os servidores conseguiram falar com vários deputados e senadores.
Hoje à tarde, a partir das 14h30, a Fenajufe e o Sindjus/DF realizarão grande ato público em frente ao Ministério do Planejamento, Orçamento e Gestão. Além dos mais de 140 servidores que vieram dos outros estados, a manifestação também vai contar com boa participação dos servidores do Distrito Federal, em greve desde o dia 31 de maio pela aprovação do PCS.
Após o ato no Planejamento, os manifestantes seguirão para a frente do Palácio do Planalto, onde também acontecerá outra manifestação. Nos dois atos públicos, os servidores vão pedir que o governo federal finalize as negociações com o Judiciário e apresente logo uma proposta de acordo sobre a implementação do PCS.
A Fenajufe solicitou uma audiência com o ministro do Planejamento, Paulo Bernardo, e com a ministra chefe da Casa Civil, Dilma Roussef. Durante as duas manifestações, os diretores da Federação vão pedir que os ministros os recebam para tratar do PCS.
Logo após a mobilização de hoje à tarde, o comando nacional de greve se reunirá na sede da Fenajufe, às 18h, para avaliar o resultado das atividades e discutir o calendário de atividades e as estratégias de atuação para a próxima semana.
Participam das atividades em Brasília servidores de São Paulo [Sintrajud/SP e Sindiquinze], Rio Grande do Sul, Rio de Janeiro, Mato Grosso, Amazonas [Sijeam/AM], Minas Gerais, Espírito Santo, Paraná, Santa Catarina, Goiás, Paraíba e Rio Grande do Norte.

Fonte: Fenajufe (Leonor Costa)