Em defesa do serviço público e dos servidores, Fenajufe indica Greve em 18 de março


A Fenajufe e os sindicatos de base indicaram Greve Nacional da Categoria em 18 de março contra o acelerado desmonte dos serviços públicos e os ataques ao conjuntos do servidores. A direção do Sintrajusc vai se reunir dia 25 de janeiro para discutir o processo de mobilização da categoria.
A luta será contra a reforma administrativa, que reúne três Propostas de Emenda Constitucional (PECs), de números 186, 187 e 188, que afetam fortemente os servidores e o serviço público. A PEC 186, chamada de PEC Emergencial, prevê a redução de salário dos servidores mediante redução da jornada de trabalho, suspensão de promoções, vedação de novas despesas obrigatórias e proibição de concursos. Para enfrentar esses ataques, o Sintrajusc integra a Coordenação Catarinense dos Servidores Públicos Federais, que reúne 13 entidades e vai iniciar 2020 com distribuição de folhetos junto às categorias e à população em geral.
O material, escrito de forma conjunta, responde às afirmações mais divulgadas pela imprensa, entre elas as seguintes: o Estado “é muito grande, ineficiente e está falido”, “as despesas com o servidor estão descontroladas”, “o dinheiro do governo acabou”, “a aprovação das reformas vai trazer crescimento” e a “estabilidade é privilégio”. São feitos comparativos que desmontam essas afirmações, mostrando também que a grande fatia de recursos públicos vai para remunerar os bancos e os grandes investidores.