Chapecó abre discussão sobre carreira, redução de jornada e saúde


Cerca de 35 servidores em Chapecó debateram carreira, redução de jornada de trabalho e condições de saúde no primeiro de um ciclo de seis seminários que o SINTRAJUSC promove até setembro em Santa Catarina. A atividade foi aberta pelo médico do trabalho Roberto Ruiz. Em seguida o coordenador do sindicato Paulo Koinski e coordenador licenciado da Fenajufe Ramiro López falaram sobre os desafios para a construção de um Plano de Carreira no Judiciário Federal.
 
O debate revelou que os servidores de Chapecó já têm propostas a serem levadas para o seminário estadual. A conversa, que se estendeu até às 21h, girou em torno de temas como ascensão funcional, 6 horas, forma de distribuição das FCs e a discussão sobre os cargos no Judiciário  (de provimento isolado ou cargo único). Veja as fotos abaixo e leia a cobertura completa do seminário na edição de agosto do jornal O Grito.