AGU continua em greve até que o governo atenda às reivindicações


Por Marcela Cornelli

Os servidores públicos federais da Advocacia Geral da União, reunidos hoje em assembléia geral na sede do órgão, em Florianópolis, decidiram continuar a greve que se estende por 28 dias. Os servidores só voltarão ao trabalho se forem atendidas quatro condições, entre elas, a garantia de nenhum tipo de retaliação aos grevistas, e a apresentação de um projeto de lei que institua a Geata – Gratificação Específica de Apoio Técnico-Administrativo da AGU.

As outras duas reivindicações são o efetivo envio do projeto ao Congresso, pois uma simples mensagem presidencial não garante o pleito; e a garantia de tramitação no Congresso, em regime de urgência, solicitado pela liderança do governo na Câmara.

Fonte: Sintrafesc