1° Encontro Nacional sobre Saúde do Trabalhador


O 1° Encontro Nacional sobre Saúde do Trabalhador foi uma iniciativa reconhecida pelos participantes. O evento realizado pela Fenajufe ocorreu no Hotel Nacional e contou com a presença de 41 pessoas e 14 entidades. O dia foi dedicado ao debate sobre a prática do assédio moral, o avanço e soluções para doenças como estresse, LER/Dort, depressão e ansiedade.

O médico do trabalho e assessor de saúde do Sintrajufe/RS, Dr. Rogério Dornelles reconheceu a iniciativa e declarou: “Essa ação é importante por valorizar e informar sobre questões relacionadas à saúde do trabalhador que muitas vezes trabalha num ambiente não adequado para exercer as suas funções. É uma iniciativa feita por trabalhadores do judiciário e pode ser seguida pelas demais categorias”.

No período da tarde ocorreu um dos pontos altos do encontro, a discussão sobre assédio moral. Para o representante do Ministério Público, Laércio Bernardes, as informações fornecidas foram esclarecedoras. “Elas são importantes para apontar um norte para que nós, sindicalistas militantes, possamos combater a prática do assédio moral” afirmou. O coordenador de comunicação da Fenajufe, Ribamar França, reforçou a importância da utilização e divulgação da Cartilha de Assédio Moral, e informou que foram distribuídas aos sindicatos de base mais de 30 mil cartilhas da Fenajufe, fruto da campanha lançada pela Federação e caso as entidades necessitem ainda existem cartilhas disponíveis.

O dia foi intenso e produtivo. Além das discussões ligadas a saúde no trabalho e o assédio moral, foram levantadas várias propostas, entre elas a necessidade da criação do Coletivo de Saúde do Trabalhador; a criação de uma cartilha e a realização de uma pesquisa nacional ligada aos temas saúde e qualidade de vida do trabalhador. Todas as propostas serão encaminhadas a direção executiva da Federação onde serão avaliadas.

Da Fenajufe – Patrícia Carbri