LOGIN DO SÓCIO




Justiça do Trabalho e Eleitoral suspendem expediente. Sintrajusc irá oficiar JF

Notícias 28/05/2018

A Justiça do Trabalho e Justiça Eleitoral de Santa Catarina emitiram comunicado nesta segunda-feira (28) suspendendo o expediente, respectivamente, até 30 de maio e 1º de junho. O Sintrajusc irá oficiar a Justiça Federal no início desta terça-feira para solicitar medida semelhante.

O Sintrajusc já havia protocolado nesta segunda-feira (28), no TRT-SC, na Justiça Federal e no TRE, ofício solicitando a suspensão do expediente interno e externo (atendimento ao público) de todas as unidades das três Justiças neste dia 28. Desde sexta-feira passada a coordenação do Sindicato está conversando com representantes das administrações para buscar alternativas aos servidores que não conseguem abastecer os veículos nem usar o transporte coletivo, que está restrito. A situação tende a se agravar nesta terça-feira com a paralisação do transporte coletivo em Florianópolis.

Veja abaixo os Comunicados:

Justiça Eleitoral suspende expediente e prazos em Cartórios e Sede

http://www.tre-sc.jus.br/site/imprensa/noticia/2018/05/justica-eleitoral-suspende-expediente-e-prazos-em-cartorios-e-sede/index.html

Considerando o agravamento da dificuldade de locomoção de servidores, colaboradores e juízes para adequada prestação de serviços aos cidadãos, em razão do movimento paredista de iniciativa dos caminhoneiros, o TRE-SC, por meio da Portaria P. nº 105/2018, suspendeu o expediente a partir da terça-feira, 29 de maio, até 1º de junho de 2018, na Justiça Eleitoral de Santa Catarina.

Com isso, não haverá atendimento nos Cartórios Eleitorais de todo o estado e na Sede do Tribunal, localizada em Florianópolis. Prazos processuais, audiências, julgamentos, intimações e citações ficam igualmente suspensos no período delimitado pela Portaria.

 

Justiça do Trabalho não terá expediente e atendimento ao público terça (29) e quarta (30)

http://www.trt12.jus.br/portal/trtnewssc/noticia/destaque/portal-web-2013/4942027.jsp

O TRT-SC decidiu suspender o expediente e o atendimento ao público em toda a jurisdição da Justiça do Trabalho catarinense terça (29) e quarta-feira (30). A presidente do TRT-SC, desembargadora Mari Eleda, que já havia suspendido os prazos e audiências e cancelado as sessões colegiadas de julgamento para esses mesmos dias, levou em conta uma série de fatores para justificar o ato.

Um deles foi agravamento do desabastecimento de combustíveis, especialmente em Santa Catarina, mesmo depois do anúncio, pelo presidente Michel Temer, do acordo firmado com os caminhoneiros. Conforme informação divulgada pela Secretaria de Estado da Defesa Civil nesta segunda (28), Santa Catarina tem mais de uma centena de pontos de bloqueio em suas rodovias federais e estaduais, sendo o terceiro estado mais afetado nesse aspecto.

Outro foi o anúncio da paralisação de motoristas e cobradores de ônibus da Grande Florianópolis, marcada para às 8h desta terça, dificultando ainda mais a circulação e o deslocamento de pessoas – cerca de 40% dos servidores do TRT atuam em Florianópolis.

A redução de horários do transporte coletivo em diversos municípios, somada à informação de que muitas empresas de transporte coletivo estão com níveis críticos de combustível, também influenciou na decisão da Presidente.

A presidente encerra o documento informando que as medidas de urgência devem ser propostas por meio do Plantão Judiciário.

 








Aposentados (a) em defesa da luta sindical


Listar todos vídeos [+]